Neste sábado, 21, a Prefeitura Municipal de Santarém através da Secretaria Municipal de Turismo – SEMTUR, farão a abertura da Exposição Permanente do Artesanato de Tradição de Santarém que será às 17h no Terminal Fluvial Turístico de Santarém.

Estarão expostos artesanatos de grupos locais que envolvem as cuias de Santarém, artesanato de madeira pertencente às oficinas caboclas e trançados.

A exposição é fruto de uma conversa iniciada pelo ARTESOL com a Prefeitura de Santarém, que surgiu da importância identificada de os produtos artesanais locais terem um ponto de referência na cidade, que é visitada por turistas.

O ARTESOL, desde 2009, em parceria com o Ministério do Turismo, desenvolve um projeto com as artesãs de Santarém que hoje estão organizadas na Associação das Artesãs Ribeirinhas de Santarém (Aíra). Elas trabalham com as cuias, transformando-as em copos, tigelas e pratos, que hoje são exportadas mundo afora.

Saiba mais sobre este projeto: http://airacuias.blogspot.com/

ASSOCIAÇÕES DE SANTARÉM

Os artesanatos expostos para venda são das seguintes associações:

 

SANTARÉM

Santarém é a principal cidade do Oeste do Pará. Conhecida como “Pérola do Tapajós”, o município está localizado numa área com 22.287 mil metros quadrados, distante 850 quilômetros de Belém e é uma das mais fortes potências turísticas do Estado do Pará.

Logo em frente a cidade é possível ver o primeiro de vários espetáculos da natureza na região: o encontro dos rios que não se misturam. De um lado o Amazonas, com suas águas barrentas e de outro, o Tapajós com as águas azul-esverdeadas.

Por causa das águas claras do Tapajós, o município tem 1.992 quilômetros de praias exóticas e primitivas que mais parecem mar. É o caso de Alter-do-Chão, conhecida como “Caribe Amazônico”. Lá é o palco da maior manifestação folclórica da região, o Çairé, que atrai turistas do mundo todo.

Nos meses que vão de março até agosto, algumas praias chegam a desaparecer, por causa da cheia dos rios, mas no resto do ano, ressurgem com areias brancas e finíssimas, algumas de fácil acesso, outras completamente isoladas. Entre as mais conhecidas estão: Alter-do-Chão, Ponta do Cururu, Ponta de Pedras, Jutuba, Caraparanaí, Pajuçara, Arariá, Maria José, Salvação e Maracanã.

SERVIÇO

Exposição Permanente – Artesanato de Tradição de Santarém
Local: TFT – Terminal Fluvial Turístico (Av. Tapajós S/N – Centro)
Abertura: dia 21/05 às 17h


2 Comentários para "Artesanato de Tradição de Santarém – Exposição Permanente"

  1. Pingback: Exposição Permanente: Artesanato de Tradição de Santarém | ArteSol Blog

  2. Pingback: Exposição Permanente: Artesanato de Tradição de Santarém | ArteSol Blog

Comentários não são permitidos.

Como Apoiar?

×