Exposição é estruturada em 1.800 metros de tecidos feitos à mão por artesãos do bairro rural de Muquém

Com curadoria do design e tecelão Ricardo Imbroisi a mostra é toda estruturada com 1800 metros de tecidos feitos à mão no bairro rural do Muquém, município de Carvalhos, Sul de Minas Gerais (380 Km de Belo Horizonte). Foi lá que o designer iniciou, em 1985, sua trajetória de muitas parcerias com comunidades de artesãos de todas as regiões do Brasil e em outros países (Japão, Itália, Moçambique, São Tomé e Príncipe).

Para montar a representação do Parque do Ibirapuera, com suas árvores, lagos, bosques, dentro do Pavilhão das Culturas Brasileiras, Renato Imbroisi e a designer têxtil Liana Bloisi foram para o Muquém, onde criaram e desenvolveram tecidos junto com a mestre tecelã Eva Maciel da Cunha. Foi ela que, com sua irmã Noeme (já falecida), acolheu e partilhou as idéias inovadoras trazidas por Imbroisi em 1985, iniciando uma produção de peças de tecelagem e outras técnicas têxteis dentro da comunidade do Muquém, que se mantém até hoje (o designer divulga e encaminha a comercialização desta produção, que gera renda para as famílias destes artesãos deste lugar isolado num vale da Serra da Mantiqueira, onde a eletricidade só chegou no ano 2000).

Na mostra será apresentado o vídeo Ibirá-Muquém, produzido em Muquém, que revela, com delicadeza, o processo de produção desta exposição e um pouco da vida destes artesãos, parceiros de Renato Imbroisi, no vale verde cercado pela Serra da Mantiqueira. A direção é do próprio Imbroisi, com captação de imagens de Lucas Moura e montagem de Maria Kubrusly. Durante a permanência da exposição, serão realizadas oficinas, com curadoria da artista plástica e designer têxtil Liana Bloisi, nas quais serão produzidas, por mestres e alunos, partes integrantes da exposição.

IBIRÁ-Flora marca a primeira etapa do Projeto IBIRÁ, que tem como tema o Parque do Ibirapuera em três aspectos: Flora, Fauna e Gente. Cada tema será apresentado em exposições específicas, sempre valorizando o artesanato, sua tradição e inovações trazidas por meio de parcerias com Renato Imbrosi e sua equipe de colaboradores. Nesta primeira (flora), é apresentada a técnica da tecelagem manual, por sua importância histórica, ancestralidade e amplitude de possibilidades que oferece para o trabalho com fibras, e também por representar o início da história profissional do designer.

Serviço

IBIRÁ – FLORA  (Livre para todos os públicos)

Pavilhão das Culturas Brasileiras

Visita monitorada para grupos escolares, organizações da sociedade civil, associações de moradores e outros, pelo e-mail Grátis.

Rua Pedro Álvares Cabral, s/nº. Vila Mariana. Zona Sul.  Tel. 5083-0199

25/01 a 27/07, 3ª. 4ª. 5ª. 6ª. Sáb. Dom. das 09h00 às 17h00.

Como Apoiar?

×