Buriti dos Lopes/PI

Em Buriti dos Lopes/PI cerca de 30 mulheres dedicam-se aos bordados em ponto cruz. Elas retomam antigos desenhos e criam os seus, sempre inspiradas em paisagens locais e vivências próprias.

Tema: Bordado - 2001-2002

Cidade: Buriti dos Lopes/PI

Duração: 1 ano

Artesãos Beneficiados: 29

Gênero: Mulheres

Em Buriti dos Lopes/PI cerca de 30 mulheres dedicam-se aos bordados em ponto cruz. Reunidas na Associação das Bordadeiras Lili Escórcio de Buriti dos Lopes, elas foram incentivadas a retomar antigos desenhos e a criar os seus, sempre inspiradas em paisagens locais e vivências próprias, deixando de lado padrões convencionais, imposto pelas revistas de banca com inspiração européia.

Para isso foram fundamentais as oficinas realizadas pelos instrutores ligados ao Artesanato Solidário, visando ao aprimoramento do produto. A Oficina de Criatividade enfatizou o desenho das artesãs a partir da observação de seu ambiente para que seu repertório de padrões fosse ampliado. Paralelamente, foram fundamentais conversas com o grupo sobre sua identidade cultural e a necessidade de manter-se próxima ao mercado.

Todas soltaram a mão. Desenhando sem medo, as artesãs viram-se diante de outro obstáculo: transpor suas criações livres para linguagem das folhas milimetradas do ponto de cruz. Participaram, então, de oficina Gráfica para o Ponto de Marca. Primeiramente, foram observadas a redução de cores e a integridade da imagem final para produção da receita de ponto de cruz. Depois, foram apresentadas soluções para melhor uso de tecidos, tipos de agulhas e linhas. Por fim, as bordadeiras aprenderam a transpor desenhos de referência e construir a receita.

A palavra de Marcísia de Souza e Silva, presidente da Associação, resume o êxito do projeto: “Quando vimos nossos desenhos em ponto de cruz foi a maior alegria para todas nós, poder nos reconhecer através de um desenho e depois passado para o tecido foi a maior emoção já sentida durante todo esse tempo da associação.”

Parceiro Financiador: