Irará/BA

São os ceramistas de Irará que, com sua arte, criam objetos únicos, úteis e belos.

Tema: Cerâmica - 2000 E 2002-2003 (2 Intervenções)

Cidade: Irará/BA

Duração: 2 anos

Artesãos Beneficiados: 20

Gênero: a maioria mulheres

Extrair na natureza o barro e prepará-lo. Modelar, pintar e assar as peças são resultados de um saber que se transmite de geração a geração, há muito mais que um século.

Esse processo, além de gerar renda, marca a cultura de uma comunidade que se identifica nos objetos que cria.

São os ceramistas de Irará que, com sua arte, criam objetos únicos, úteis e belos.

Irará é um município baiano que fica a 285 km ao norte de Salvador. Lá, nas comunidades de Lajes, Mangueira e Caboronga, concentram-se os produtores de louça de barro. São artesãos que modelam com suas mãos as formas gordas e generosas dos porrões, potes, caborés, panelas, travessas e muitos outros objetos que usam no cotidiano doméstico e com os quais atendem às necessidades da população regional.

A produção está concentrada em sua quase totalidade na mão-de-obra feminina que emprega como matéria-prima a argila extraída dos barreiros locais e o tauá (pigmento mineral de coloração vermelha) com que reveste as peças antes da queima em fornos de lenha. Sua comercialização tradicional tem sido na feira municipal de sábado, ocasião especial de expressão da cultura e dos valores locais.

Por intermédio do Projeto Cerâmica de Irará, esses objetos, marcados por um design arrojado, ao mesmo tempo tradicional e moderno, passam a ter maior visibilidade no mercado externo, alcançando, com essa divulgação, outros setores da sociedade.

Parceiro Financiador: