DIVINA PASTORA/SE

Renda - 2000 | 2002-2003 | 2009-2010 (3 intervenções)

Divina-Pastora

Cidade:

Divina Pastora/SE

Duração:

3 anos

Artesãos Beneficiados:

52

Parceiro Financiador:

Parceiros apoiadores:

Gênero:

mulheres

A renda executada no município de Divina Pastora, Estado de Sergipe, é conhecida como renda irlandesa ou ponto de Irlanda. Criada na Europa, possivelmente no norte da Itália, por volta dos séculos XVI ou XVII, ela foi preservada nos conventos da Irlanda, de onde se difundiu para diversas partes do mundo.

Esse tipo de renda caracteriza-se pelo uso do lace, cordão que serve de suporte ao trabalho feito com linha e agulha sobre um papel grosso e resistente. Os meandros e
florões característicos desse tipo de renda são desenhados sobre esse papel, recobertos pelo lace e preenchidos pela combinação de mais de uma dezena de pontos variados. Há peças confeccionadas exclusivamente com a renda e outras em que ela é aplicada ao linho. A variedade de padrões, desenhos e aplicações é bastante ampla e diversificada, incluindo peças de cama, mesa, decoração e vestuário.

No Brasil, ela é executada há várias gerações pelas artesãs sergipanas e faz parte do seu patrimônio cultural. Mais de 100 mulheres, com idades entre 15 e 80 anos, realizam esse trabalho e muitas outras estão recebendo de suas parentes e vizinhas mais experientes o treinamento informal que torna a renda irlandesa um saber amplamente compartilhado. As bordadeiras estão reunidas na ASDEREN (Associação para o Desenvolvimento de Renda de Divina Pastora). Em 2009,  o IPHAN registrou a Renda Irlandesa no livro dos bens imateriais do patrimônio cultural brasileiro.